O SIGNIFICADO DAS FLORES

Flores não são apenas flores como possamos pensar. Cada uma tem um significado diferente. Para ser sincera nem eu, até bem pouco tempo sabia. E muito provavelmente muita gente não sabe dessa. A não ser que seja um expert em flores ou seja freguês assíduo de floricultura. Mas se não for este o caso, recomendo que caso você se utilize das flores para “conversar” ou homenagear alguém, é bom saber o significado de cada uma .

Azaléias: Símbolo chinês de feminilidade, paixão frágil
Bergamotas: Irresistível
Camélias: Brancas - você é adorável/ rosas - te querendo/ vermelhas - você é a chama do meu coração
Cravos: Fascinação, amor divino
Flor de lis: Fé, esperança, sua amizade significa muito pra mim
Flor de laranjeira: Inocência, amor eterno, casamento
Gerânio: Associado com o quarto ano de casamento e com conforto, gentileza e estupidez também.
Girassol: Adoração, alegria
Magnólias: Dignidade, nobreza
Margaridas: Inocência, amor leal, pureza
Gardênias: Você é adorável, amor secreto, inconfesso
Lírios Brancos: Pureza, é maravilhoso estar com você
Orquídeas: Amor, rara beleza e refinamento e associado com o 28 aniversário de casamento
Tuberose ou Angélica: Prazer perigoso
Tulipas em geral: Amante perfeito. As vermelhas são uma declaração de amor e as amarelas dizem que o sorriso dela é como um pôr do sol.

As rosas e as cores:
Vermelhas: Amor sincero e um belo I love you.
Rosinhas: Graça, gentileza e felicidade. Para agradecer, as clarinhas são a pedida.
Chá: Sempre me lembrarei
Amarelas: Amizade
Brancas: Amor espiritual, pureza, você é um anjo, sinto a sua falta
Lavanda: Amor à primeira vista

sábado, 3 de maio de 2008


Nome Científico: Quisqualis indica
Sinonímia: Celastrus nutans
Nome Popular: Jasmim-da-índia, arbusto-milagroso, madagascar
Família: Combretaceae
Divisão: Angiospermae
Origem: Ásia
Ciclo de Vida: Perene
O Jasmin-da-índia tem a característica interessante de produzir flores que mudam de cor. Elas nascem brancas e com o tempo se tornam vermelhas. Sua utilização no paisagismo é ampla, desde que lhe seja oferecido suporte adequado. Pode formar maciços ou ser conduzido como trepadeira. Suporta podas, que devem ser realizadas sempre após o florescimento.
Deve ser cultivada a pleno sol, em solo fértil, com adubações periódicas para uma floração exuberante. Pode ser propagada por estaquia, mergulhia e por alporquia

2 comentários:

Anna Shudo disse...

Seu blog é simplesmente liiiiinnnndoooo!!! Continue postando mais e mais. Além de belas flores e plantas tomei aulas! Virei visitá-la com mais frequência, tá. Um beijo no seu coração
ana

Márcia Berião disse...

Gostaria de lhe dar os parabéns pelo lindo trabalho que fez aqui. Ajudou no meu trabalho com florais de uma forma simples, rápida e afetuosa, uma vez que transmite este afeto e simplicidade de quem está conectado com a natureza. Obrigada. Feliz 2009.